terça-feira, 31 de julho de 2018

1978-07-00 - Folha OCMLP Nº 05 - OCMLP

Para ver todo o documento clik AQUI
CRESCE A OPOSIÇÃO AO MINISTRO SAIAS

O escândalo, recentemente tornado público, do corte de árvores perfeitamente criminoso e da safra ilegal de cortiça que os social-fascistas levaram a cabo no Ribatejo e Alentejo, provocou uma onda de indignação no país e fez crescer a oposição ao Ministério Saias.
Ficou bem claro que o problema não é apenas o da impunidade com que os novos latifundiários do PCP levam a cabo os seus crimes na chamada "zona da Reforma Agrária", mas também o de não existir qualquer linha de actuação para o desenvolvimento da agricultura; factor essencial para a recuperação da economia nacional.
O próprio CDS, parceiro da coligação governamental, viu-se obrigado a denunciar esta situação.
Face a isto é importante estar atento a que uma possível remodelação governamental concentrada na Agricultura (que tem que ser feita) não sirva para esconder, por trás de um sector em que a incompetência e a capitulação face ao social-fascismo são mais evidentes, o conjunto da actuação governamental que tem vindo a agravar a situação do país, e em primeiro lugar das massas trabalhadoras.

Sem comentários:

Enviar um comentário