domingo, 3 de junho de 2018

1973-06-00 - A FORMAÇÃO DO CLAC “SPARTACUS” - MPAC-CLAC's


A FORMAÇÃO DO CLAC “SPARTACUS”

O CLAC SPARTACUS forma mais um elo do Movimento Popular Anti-Colonial, unificado nos princípios de base da luta que todos os Povos oprimidos travam contra o mesmo inimigo, a burguesia exploradora, opressora e assassina.
A necessidade de unir numa só frente, alargar e organizar a luta contra os colonialistas (neo), imperialistas (social) na via correcta, infustigavel e certa da independência nacional que os proletários de todos os países preparam e que só eles tomarão a directiva.
À frente de combate para aniquilar todos as formas pacíficas, (vetos e negociações), ajudas oportunistas e interesseiras com que os trapaceiros "dos parceiros" dos imperialistas tentam tapar os olhos e abafar a luta vitoriosa do povo.

Damos apoio internacionalista à luta armada dos Povos das colónias e abramos brechas, fortificamos a luta do Povo português que toma o exemplo levantando-se desde já contra os intrusos imperialistas e burgueses lacaios que nunca deixarão de nos roubar e oprimir enquanto não formos todos unidos a prosseguir numa guerra feroz e continua até a sua aniquilação total.
Em França, como em Portugal, como no mundo inteiro onde há burguesia há trabalhadores explorados, por isso em cada região, onde quer que estejamos temos necessidade de nos organizar.

PORQUE O NOME "SPARTACUS"
SPARTACUS, chefe de várias centenas de escravos revoltados contra os senhores de Roma. Morto, crucificado após ter comandado durante dois anos os escravos contra as legiões (exércitos da época).
Os grandes senhores de todas as épocas têm tentado esmagar o Povo que há milhares de anos se levanta contra as injustiças da desigualdade de classes.
Aqueles senhores que hoje nos querem tirar os direitos conquistados na luta, e nos empurram para traz para não irmos mais longe. Mas nós sabemos que organizados podemos vencer.

GUERRA DO POVO CONTRA OS SENHORES!
ABAIXO A GUERRA COLONIAL!
VIVA O M.P.A.C.!

Clac "SPARTACUS"


Sem comentários:

Enviar um comentário