quarta-feira, 12 de julho de 2017

1977-07-12 - MANIFESTO - Rui Gomes

MANIFESTO

À CLASSE OPERÁRIA, A TODOS OS TRABALHADORES!
A TODOS OS DEMOCRATAS E ANTIFASCISTAS!
A TODOS OS HOMENS, MULHERES E JOVENS DE MOSCAVIDE, OLIVAIS, CABO RUIVO E MARVILA!

1. E com profunda inquietação que nós, trabalhadores, democratas e antifascistas, homens e mulheres amantes da liberdade e do progresso, assistimos aos últimos acontecimentos da vida política nacional. Meia dúzia de ministros fascistas, entre eles o último chefe supremo da Pide, recebem mais de 4 000 contos de gratificações; ao mesmo tempo, dizendo que não há dinheiro, decreta-se a requisição civil sobre os cantoneiros de limpeza, como resposta aos seus legítimos direitos, num claro atentado ao direito à greve e numa clara ameaça a todos os trabalhadores.

2. Os patrões sabotadores regressam às empresas que destruíram, pairando de novo sobre milhares de trabalhadores a ameaça dos despedimentos e da fome; no Alentejo, a GNR dos agrários volta a carregar brutalmente sobre os assalariados rurais, primeiro em Mora, agora em Portalegre.
Todos os dias se libertam pides e bombistas, na mais criminosa das complacências para quem torturou e espezinhou todo um povo, para quem não hesitará em voltar a fazer o mesmo se o consentirmos.
3. É nesta situação que se encontra marcado para o próximo dia 13 o julgamento do estudante antifascista Rui Gomes.
A sua prisão arbitrária, o revoltante de um antifascista estar preso 20 meses sem culpa formada, mostra bem até que ponto estão dispostas a ir as forças reaccionárias que impuseram e impõem a sua prisão. A marcação do julgamento para dia 13 foi uma primeira vitória dos milhares de trabalhadores e dos antifascistas que em Portugal e no mundo inteiro têm estado com Rui Gomes, foi uma vitória da sua firmeza e combatividade.
Mas as forças reaccionárias sabem que, mantendo Rui Gomes na prisão, é o povo que atingem, pois tem sido este a exigir a sua libertação. Por isso se preparam, com a cumplicidade das autoridades militares, para o condenarem numa farsa de julgamento.
4. Os trabalhadores, os democratas e antifascistas abaixo-assinados não reconhecem autoridade nem isenção ao tribunal que irá julgar Rui Gomes. Não podemos reconhecer idoneidade e isenção a juízes e tribunais que todos os dias elogiam, ilibam e soltam pides e bombistas. Não podemos reconhecer idoneidade e isenção a juízes que afirmam ser Rui Gomes "uma pessoa mal formada", por este corajosamente declarar a sua qualidade de antifascista e revolucionário.
5. Ao aproximar-se o julgamento de Rui Gomes, subscrevemos este manifesto para dizer que estamos com ele na luta pela sua libertação. Subscrevemos este manifesto por imperativo da nossa consciência, porque não queremos ser, com o nosso silêncio, coniventes numa farsa de justiça, que tem libertado Spínola e pides e se prepara para condenar Rui Gomes, se o povo consentir.
6. Assim, os trabalhadores abaixo-assinados membros de CT e CM, delegados sindicais, membros de assembleias de freguesia e colectividades, antifascistas, vêm com este manifesto apelar a todos os trabalhadores para que, unidos contra o fascismo, exijam "LIBERTAÇÃO IMEDIATA PARA RUI GOMES" e compareçam no julgamento deste antifascista no dia 13.
Estamos certos que será Rui Gomes o acusador e será o fascismo que ficará sentado no banco dos réus.
7. Os democratas e antifascistas abaixo-assinados decidem ainda manifestar publicamente o seu apoio a um comício unitário, a realizar em Moscavide na próxima quinta-feira, dia 14 pelas 21H com a presença de membros da Comissão de Luta pela Libertação de Rui Gomes e antifascistas da zona.
Todos os companheiros que queiram participar na Comissão Unitária que irá preparar este comício unitário de luta pela libertação de Rui Gomes, devem estar na terça-feira, dia 12 de Julho, pelas 19H, no "Pobrezinho" junto ao Campo de Futebol dos Olivais.

subscrevem este manifesto:
TAP
Joaquim Pinto de Lima - Deleg. Sindical
António José Manzoni Sequeira - Deleg. Sindical
Carlos Eugénio Rodrigues Vaz - Deleg. Sindical
Ilídio Rodrigues Antunes - Deleg. Sindical
Maria Helena Vargas - Deleg. Sindical
A. Santos Júnior - Deleg. Sindical
António Jesus Mota Abreu - Deleg. Sindical
Luís Ribeiro Correia - Deleg. Sindical
Fernando Barreiros Peres - Deleg. Sindical
Hermínio Gonçalves Guerreiro - Deleg. Sindical
Augusto Alves - Deleg. Sindical
BRUNO JANZ  
Cristóvão M. Oliveira - Membro da CT
Irene Maria Santos Lopes    - Membro da CT
José J. Monteiro - Membro da CT
Manuel Neto Ribeiro - Membro da CT
Rui Seabra - Membro da CT
Benedito Garrido   Membro da Com. Intersindical
Constantino J. Joaquim - Membro da Com. Intersindical
João M. M. Geraldes - Membro da Com. Intersindical
Joaquim Cardoso Capucho - Membro da Com. Intersindical
Joaquim Pinto - Membro da Com. Intersindical
Rodolfo - Membro da Com. Intersindical
EPAL
António Polmeiro - Membro da CT
Joaquim Dias - Membro da CT
Henrique Fernando F. de Queiroz - CGT
(Conselho Geral de Trabalhadores)
METALÚRGICA LUSO-ITALIANA
César Guerreiro Mata - Membro da CT
Eduardo Alves Carrilho - Membro da CT
José Guerreiro Cunha - Membro da CF
Romão José B. David - Membro da CT
Aníbal de Almeida - Deleg. Sindical
Florival Joaquim Muge - Deleg. Sindical
João Manuel Antunes Firme - Deleg. Sindical
João Inácio Matias Ricardo - Deleg. Sindical
Luís Filipe Ramos - Deleg. Sindical
Manuel António Araújo - Deleg. Sindical
Mário Borges Guerra - Deleg. Sindical
SOC. PORTUGUESA DE PETROQUÍMICA
António Joaquim Cabral - Membro da CT
Carlos Manuel Bray de Oliveira - Membro da CT
José Tomás da Silva - Membro da CT
Manuel José Venâncio de Fonseca - Membro da CT
José Martins Sustelo - Deleg. Sindical
UTIC
Manuel de Jesus Mimoso - Deleg. Sindical
Silvério José Copeto Velez - Deleg. Sindical
Carlos Alberto Sérgio Ralha - operário soldador
José António Ferro - ex-preso político
POLINAVE
António Joaquim Valente - Deleg. Sindical
Arlete de Fátima Campaniço - Deleg. Sindical
OLIVAIS SUL E ZONA POENTE
Comissão de Moradores
JBF (CABO RUIVO)
António José Faro Rebocho - Deleg. Sindical
FÁBRICA DOS SABÕES
Manuel Lima Martins - Membro da CT
ASSEMBLEIA DE FREGUESIA DE MARVILA
António Gouveia Soares - Membro da Assembleia
GRUPO DESPORTIVO RENOVAÇÃO
Carlos Alberto de S. Francisco - Comissão Juvenil
Firmino Noronha Duarte - Comissão Juvenil
José Mário da Luz - Comissão Juvenil
LICEU D. DINIS
Um grupo de 10 professores antifascistas
PETROGAL
Júlio Silva - Deleg. Sindical
Um grupo de 9 trabalhadores antifascista
FIRESTONE (CABO RUIVO)
Um grupo de 11 trabalhadores
BAIRRO DO RELÓGIO
Vítor Alexandre Gago - Membro da CM
Abraão Cardoso - Membro da CM
ORIENTAL RECREATIVO CLUBE (BAIRRO PRODAC)
José Augusto da Silva - 1o secretário do Conselho Fiscal
TUNA RECREATIVA "JUVENTUDE CHELENSE"
Delfim Casimiro da Silva - Membro dos Corpos Gerentes
ALTO DOS TOUCINHEIROS
José Francisco Vilar Bita - Membro da CM
FÁBRICA BARROS
Maria Carreiro Patrício - Deleg. Sindical
CLUBE RECREATIVO "ÁGUIAS DO AEROPORTO"
Manuel António Teixeira - Membro da Direcção
João Vasques - Membro da Direcção
FAPAE
João Abelha - Deleg. Sindical
EX-PRESOS POLÍTICOS
José Gomes de Carvalho
José da Assunção Silva Rogério Rochinha Jesus Ferreira


REUNIÃO DE PREPARAÇÃO DO COMÍCIO, NO "POBREZINHO", ÀS 19H DE DIA 12

Sem comentários:

Enviar um comentário

Arquivo