quarta-feira, 7 de junho de 2017

1977-06-07 - INCÊNDIO NAS FONTAINHAS - PCTP/MRPP

INCÊNDIO NAS FONTAINHAS

Ao Povo da Venda Nova:
Na madrugada de hoje, deflagrou um incêndio num aglomerado de barracas no bairro das Fontainhas que teve como consequências imediatas a morte de duas crianças de 5 e 7 anos de idade, filhos de cabos verdeanos que foram hospitalizados por motivo de queimaduras e o estado de choque sofrido. Cinco é o número de barracas destruído pelas chamas entre as centenas ali existentes. Este incêndio só não teve proporções mais graves pelo motivo da noite não ter sido ventosa e ainda devido à prontidão dos bombeiros que se não pouparam a esforços no combate ao incêndio, e ainda o auxílio de diversos elementos do Povo.

Este bairro de Lata, cujos habitantes na sua grande maioria são cabo-verdeanos que foram iludidos pelas promessas do fascista Marcelo e trazidos para Portugal com o objectivo concreto de superar a falta de mão de obra (especialmente na construção civil) motivada pela emigração dos trabalhadores Portugueses que procuraram dessa forma resolver os seus problemas económicos e de subsistência.
Alguns moradores deste bairro tem procurado melhorar (contra a opinião reaccionária de certas pessoas que pretendem fazer crer que eles vivem assim por sua própria vontade) dentro das suas possibilidades as condições de habitabilidade, contudo fazem-no a medo ou até mesmo recuam por saberem que outros ao fazerem-no foram multados com multas exorbitantes, aplicadas pelos governos através da dita democrática Câmara de Oeiras tão cheia de progressistas. Algumas instalações eléctricas já montadas em algumas casas foram rejeitadas não sendo permitido a sua ligação o que obriga os moradores a utilizarem candeeiros a petróleo os quais estão na origem da maioria dos incêndios neste tipo de bairros.

A QUEM DEVEMOS PEDIR CONTAS PELO INCÊNDIO E PELO ASSASSINATO DOS NOSSOS FILHOS?
Devemos pensar com a nossa cabeça e ver que enquanto uma reaccionária minoria exploradora vive em palácios, uma parte importante do nosso Povo é atirado para bairros de barracas onde vive miseravelmente. SÓ na freguesia da Amadora moram cerca de sessenta mil elementos do Povo em barracas. Isto é assim porque quem detém o poder no nosso mais são os capitalistas, sejam eles de Estado ou privados, isto é assim porque todos os governos quer os governos fascistas de Salazar e Caetano antes do 25 de Abril, quer os governos de Palma Carlos até Mário Soares, passando pelo de Vasco Gonçalves, aquilo que têm para dar ao Povo são, as barracas, o aumento da sua fome, miséria e desemprego. Para algum elemento do Povo porventura iludido por algum destes governos ou pelos partidos burgueses que os compuseram e compõem desde o C”D”S, P”PD", P"C"P, PS" basta pensar se algum deles fez alguma coisa pelo Povo. Os moradores das Fontainhas devem portanto responsabilizar todos os governos dos capitalistas e os seus órgãos desde a Câmara à Junta de Freguesia e não se deixarem iludir pelas suas palavrinhas mansas e reaccionárias como são as do sr. da Junta, que disse com ar desafogado que quanto ao funeral das crianças mortas no incêndio, a nosso ver assassinadas, não havia problema que a Junta pagava… quer isto dizer que a morte dos nossos filhos não tem importância porque a Junta paga… este senhor, a Junta e todos os demagogos conjuntamente com a Câmara e os Governos do capital devem levar a devida resposta do Povo e serem responsabilizados pelo incêndio e pelo assassínio das crianças. Este facto deve servir-nos para perdermos as ilusões nos governos do capital e nos partidos burgueses e passar a escutar e a seguir quem defende os interesses dos operários e do Povo, o PCTP/MRPP.

QUE CAMINHO SE ABRE AOS MORADORES DOS DO BAIRRO DAS FONTAINHAS?
É preciso que os moradores compreendam que sem luta nunca deixarão de viver nas condições miseráveis em que vivem. Mas para lutar é necessário preparar as nossas fileiras, isso exige que tenhamos uma direcção composta pelos moradores mais combativos, pelos mais fiéis defensores dos nossos interesses, uma direcção que mobilize e una os moradores em torno da sua vontade e aspirações profundas que são uma habitação condigna e o seu bem-estar. Para lutar por este objectivo torna-se necessário os moradores do Bairro das Fontainhas elejam a sua comissão de moradores em amplo plenário que conte com a participação de todos os moradores. A Comissão de Moradores deve ter como princípio a livre eleição e ser revogável a qualquer momento e substituída por outra no todo ou em parte desde que não compra com os interesses dos moradores. Neste plenário os moradores devem discutir as formas de luta para impor as suas reivindicações as quais terão de ser conduziria a inevitavelmente no sentido de impor ao governo, à Câmara e à Junta a resolução dessas questões. Mas é preciso não ter ilusões como já ficou visto nenhum governo da burguesia resolverá este assunto, só com luta e cora a força dos moradores será possível impor uma saída para as nossas aspirações.

A LUTA DOS MORADORES DO BAIRRO DAS FONTAINHAS É A MESMA LUTA DE TODO O POVO TRABALHADOR.
O Povo destes bairros deve compreender que a sua luta (independentemente da sua cor) é a mesma luta que os operários travam nas fábricas contra as desintervenções, os despedimentos, a mesma luta que os camponeses travam contra as desocupações das terra que justamente ocuparam, é no fundo a mesma luta de todo o povo português contra os seus inimigos de classe, fascistas e social-fascistas, contra a tentativa da burguesia de fazer pagar a quem trabalha a crise económica que o nosso país atravessa provocada pelo sistema dos capitalistas. O caminho que se nos abre é o caminho da luta dura, pela unidade dos explorados e oprimidos por forma a podermos impor a defesa doa nossos interesses e avançar sob a direcção do único Partido verdadeiramente comunista na aplicação da solução operária para a crise, com o objecto do derrube do poder dos exploradores e a instauração de um Governo Popular, único governo capaz de conduzir com o Povo à conquista do Pão, da Paz, da Terra, da Liberdade, da Democracia a e da Independência Nacional.

ABANDONEMOS AS ILUSÕES ACERCA DE TODOS OS GOVERNOS DA BURGUESIA E PREPAREMO-NOS PARA A LUTA! Os assassinos dos filhos do povo serão julgados! Em frente pela criação da comissão de moradores do bairro das fontainhas! Lutemos por uma habitação condigna! Viva o pctp! Viva o povo!

7.6.77
Célula do PCTP/MRPP de V. Nova

Sem comentários:

Enviar um comentário

Arquivo