quarta-feira, 24 de maio de 2017

1977-05-00 - ESCOLA EM CONSTRUÇÃO Nº 02 - Sindicatos

Editorial
O boletim que quer ser útil…

É difícil abrir o círculo das relações sociais em cada indivíduo. Muito mais, o círculo das suas relações profissionais. Oficiantes do mesmo ofício... é a situação herdada do corporativismo que conduziu a uma prática isolacionista e que culminou na redução das relações profissionais às relações sociais e estas, às relações familiares. Assim se desenvolveu o espírito do CLAN, do elitismo, do racismo. Não há meio de ir à Velha Corporação, acrescentar-lhe o «O» histórico, isto é, mais um zero (0), para avançar séculos na História, criando o espírito novo da COOPERAÇÃO que alterará não só o termo mas também o curso do CORPORATIVISMO. Acrescentar o «O» aberto que é exclamação de abertura...
«ESCOLA EM CONSTRUÇÃO — Boletim do SPZN» — pretende ser ÚTIL. Desenvolver nos professores o espírito de abertura, a vontade de mudança. Por isso, está aberto à participação de todos. Nessa abertura reside a sua utilidade. Se for criticado a sério ou com humor, primeiro como objecto, depois como instrumento e finalmente como operador, ele terá conseguido SER ÚTIL.
Útil, porque alargou os temas das conversas habituais sobre o estado da família, o estado do tempo, o estado do Estado, com temas mais responsabilizantes, como o estado da Sociedade que somos, o estado da Classe a que pertencemos, o nosso estado no Futuro que desejamos.
É animador, para quem trabalha no lançamento do Boletim dentro ou fora do Grupo Redactorial, a receptividade ao seu número 1. Ainda está em distribuição e já nos chegam fichas de inscrição em número que nos permite prever continuidade e periodicidade.
Este número 2 sai já mais enriquecido e espera-se a curto prazo atingir o mínimo que nos propusemos. Queremos que todos os que intervêm na nossa vida sindical encontrem no Boletim o indispensável prolongamento para a sua actividade.
... Recordamos que o Boletim é mensal e que não nos é possível estar permanentemente a solicitar para cada número, a colaboração, que pensamos ser «obrigatória», dos vários órgãos da nossa estrutura sindical.
Estes órgãos, porque representativos, devem ter a preocupação de fazer chegar ao Grupo Redactorial, a tempo e horas, a sua participação no número seguinte do Boletim.
Estatutariamente o direito de tendências está consagrado no Conselho Fiscal, órgão permanente do SPZN. Mas outras correntes existem e se lhes torna difícil a sua representatividade orgânica. Mesmo essas correntes podem e devem utilizar o Boletim para a sua acção pedagógica.
Espera-se que no Boletim se faça, desde a critica mais severa ao apoio mais sincero, de tudo um pouco.
Que as tendências sindicais, os grupos de trabalho, os técnicos e os pedagogos, compreendam o nosso apelo e façam do Boletim um dos seus meios de intervenção e comunicação.
Assim, ESCOLA EM CONSTRUÇÃO — Boletim do SPZN, será útil a todos os sindicalizados.

O GRUPO REDACTORIAL

Sem comentários:

Enviar um comentário

Arquivo