segunda-feira, 29 de maio de 2017

1972-05-00 - UEC Nº 02 - Série I - UEC

EDITORIAL

Todo o militante da UEC deve ter completa noção da extrema importância do nosso jornal. Ele deve ser una arma nas nossas mãos: deve intervir eficazmente na luta aumentando a coesão e o nível de consciência revolucionária de toda a organização, deve informar correctamente, deve abrir perspectivas e estimular o trabalho criador de todos os organismos e militantes, deve dar uma visão unificada e correcta da luta estudantil a largas centenas de estudantes antifascistas, deve enfim mostrar com clareza a importância das lutas operárias e de outros sectores anti-fascistas e o papel dos estudantes na luta geral contra o fascismo.
O “UEC” deve ser utilizado da melhor forma possível e sobre este problema se deve debruçar toda a organização. É necessário que todos os organismos estudem e tomem medidas para que o "UEC” chegue a toda a parte onde possa ser útil e onde a sua leitura e discussão possa contribuir para o reforço da luta e do espírito combativo dos nossos colegas. Está nas nossas mãos consegui-lo, tendo presente que o trabalho desenvolvido neste sentido contribuirá também para o reforço de toda a organização.
O nosso jornal deve ser continuamente aperfeiçoado. Para isso é preciso discutir cada número em todos os organismos, com todos os militantes e simpatizantes, recolhendo e enviando à Redacção as suas opiniões,sugestões e críticas assim como as das mais largas camadas de estudantes antifascistas que com ele tomem conhecimento.
Mas discutir o "UEC” não é, apenas, ver onde ele, por ventura, falha e fazê-lo notar; é também procurar aprender com ele e tirar dele tudo o que possa ser útil para a luta nos respectivos sectores.
Todos devemos participar na elaboração do nosso jornal. E isto não é uma frase vã: discutindo, fazendo criticas, sugestões e propostas estaremos, de facto, todos nos, a contribuir para a elaboração e aperfeiçoamento do jornal da UEC. Mas não só. Todos nós podemos e devemos colaborar com a Redacção enviando-lhe artigos individuais e colectivos. Mesmo que estes materiais não sejam, porventura publicados, constituirão em si uma ajuda preciosa a elaboração de cada número.
Eis, pois, o apelo que a Redacção faz a toda a organização da UEC: Discutamos colectivamente o nosso jornal.
Procuremos aperfeiçoá-lo com críticas e propostas concretas.
Colaboremos na sua preparação enviando artigos e notas sobre todos os problemas que nos afectam.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Arquivo