sexta-feira, 10 de março de 2017

1977-03-10 - COMUNICADO - PCP

PARTIDO COMUNISTA PORTUGUÊS

COMUNICADO

Em presença dos factos ocorridos no comício fascista, organizado pele IOR - Inter Organizações de Refugiados - no Coliseu onde na presença do deputado "Independente" do C.D.S. - Galvão de Melo, foram proferidos ataques ao 25 de Abril, Conselho da Revolução, Estados independentes de Angola e Moçambique, que estiveram na base dos violentos acontecimentos do dia 6/3/77 na Assembleia da República, o Organismo dos Retornados do P.C.P, vem tornar pública a sua posição sobre os acontecimentos.
Tais acontecimentos, assim como os atentados bombistas, a falsificação de Moeda moçambicana, etc., não visam resolver os problemas dos retornados, inserem-se sim na grande ofensiva geral que a direita desenvolve neste momento contra o processo revolucionário no nosso país, com o objectivo de criar dificuldades nas nossas relações com os novos Estados Independentes, derrubar a democracia e reinstaurar o fascismo.
A maioria doe retornados não apoia este tipo de acções, como o prova o escasso número de presenças nestas acções.
Os retornados estão conscientes que os seus problemas só serão resolvidos, com a sua integração na sociedade portuguesa, e na luta conjunta com os restantes trabalhadores, pelo avanço da democracia russo ao Socialismo.

Lisboa 10/3/77
O ORGANISMO DE RETORNADOS DO P.C.P.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Arquivo