terça-feira, 11 de abril de 2017

1977-04-11 - A Forja Vermelha Nº 03 - UCRP(ml)

EDITORIAL

Uma das medidas do Governo P.S. integrada na política de "relançamento da economia” foi o congelamento a partir dos 15% do montante global dos salários dos trabalhadores durante este ano.
Na nossa fábrica também estas medidas do governo são aplicadas fielmente pela direcção militarista, perpetuando assim a exploração cada vez mais acentuada sobre todos TODOS os trabalhadores.
E e isto a complacência da C.T. que semelhança do que temos dito anteriormente, mais não faz do que conciliar com a direcção no que toca à defesa dos nossos interesses, pois de contrário estaria a caminhar contra os interesses da política do governo.
Idêntica posição assumiu também, mas por razões diferentes, o secretariado das C.Ts dos E.F.F.A. afecto ao partido de Cunhal que não avança com a luta pela aplicação da tabela salarial comum a todos os estabelecimentos fabris, embora pareça estar interessado nisso, ao anunciar que a está a actualizar, para a apresentar em Junho aquando da reestruturação da Função Pública, pois tal luta neste momento choca com a sua táctica do “DIALOGO” com o Governo, concretizada no "caderno reivindicativo imediato". Já entre que pelos homens de Cunhal do secretaria do da Inter, no Ministério do Trabalho.
SERVINDO-SE PARA TAL DA MANIPULAÇÃO DAS JUSTAS LUTAS DOS TRABALHADORES, CONTRA A EXPLORAÇÃO CAPITALISTA, E CONTRA A MISÉRIA E O DESEMPREGO, DESVIANDO-AS PARA OS OBJECTIVOS ATRÁS DEFENDIDOS, COMO ACONTECEU RECENTEMENTE COM A LUTA DA FUNÇÃO PUBLICA, PARA A QUAL O SECRETARIADO DAS C.Ts NOS QUER EMPURRAR E AONDE NÃO PERTENCEMOS, DE QUE O SOCIAL-FASCISMO SE SERVIU PARA PRESSIONAR AS ENTIDADES GOVERNAMENTAIS AO "DIALOGO DEMOCRÁTICO E CONSTRUTIVO" TRAINDO A 100% AS REIVINDICAÇÕES E AS FORMAS DE LUTA DECIDIDAS PELOS TRABALHADORES.
TORNA-SE POIS EVIDENTE QUE É NECESSÁRIO, QUE TODOS OS DELEGADOS ANTI-SOCIAL-FASCISTAS E ANTI-FASCISTAS SE UNAM NAS ASSEMBLEIAS DE DELEGADOS, NAS REUNIÕES OE SECÇÕES, NO SENTIDO DE PRESSIONAR A C.T. A AVANÇAR COM A MOBILIZAÇÃO DOS TRABALHADORES PARA A PARTICIPAÇÃO NA RESOLUÇÃO DOS SEUS PROBLEMAS TAIS COMO! A APLICAÇÃO DA TABELA SALARIAL; A SINDICALIZAÇÃO; A REESTRUTURAÇÃO; A SEGURANÇA E A HIGIENE NO TRABALHO, ASSIM COMO NO COMBATE ÀS POSIÇÕES ANTI-OPERÁRIAS AO SERVIÇO DE MOSCOVO POR PARTE DO SECRETARIADO DAS C.Ts.

AUMENTOS DE 15%, SALÁRIOS DE FOME!
EM FRENTE NA APLICAÇÃO DA TABELA COMUM!
CONTRA A MISÉRIA E O DESEMPREGO — PÃO E TRABALHO!

Sem comentários:

Enviar um comentário

1977-06-22 - A Forja Vermelha Nº Esp - UCRP(ml)

PROLETÁRIOS DE TODOS OS PAÍSES, NAÇÕES E POVOS OPRIMIDOS. UNI-VOS A Forja Vermelha Número Especial Preço $50 Data: 22/6/77 ...

Arquivo